Giselle Velloso parabeniza Bacabal pelos seus 95 anos

Giselle Velloso

Giselle Velloso

Neste dia especial, quando se comemora 95 anos de emancipação politica da nossa querida Bacabal, não poderia deixar de externar, em poucas palavras, a alegria de ser bacabalense, de conviver o seu cotidiano, clamar por seus acertos e lamentar pelos tormentosos malfazejos que são impróprios, administrativamente, á dignidade dos seus filhos menos favorecidos.

Reflitamos, então, sobre esses atropelos institucionais que revoltam as massas e que fazem com que as vozes roucas das ruas bacabalenses exijam, das autoridades publicas constituídas, mormente do Prefeito, providencias emergências para solvência de calamos despóticos subsumidos na grandeza da história de um município que já nasceu rico e vigoroso pela fertilidade do seu solo. Parabéns Bacabal, que se entoe no teu destino a fantástica poesia do teu hino de gloria:

“Entre tantas frondosas palmeiras
É um leito que corre a banhar
Tuas terras surgistes garrida
Oh! Cidade que sabe cantar.Entoado som majestoso
De acanto para enaltecer
Aos que imigram e o teu povo inato
És futuro, és progresso, és viver.Tens recursos da natureza
Tens cultura e beleza
Tens recursos presente da natureza
Tens cultura e beleza.Terra, luz céu tão azul que brilha
Refletindo valor colossal
Que espreita com viva esperança
Progredir vivas tu Bacabal Altaneira és ideal
Foste ontem a fazenda que agora
O Maranhão te a ti Bacabal. Se retratas porvir tão risonho
Incentiva o homem a dizer
Bacabal, Bacabal tão querida
Tua meta é sempre crescer.Tudo em ti é airoso
És poema és hino também
Resplandece em tua área a nobreza
Correrás para além muito além.Oh! Cidade galante deveras
Caudaloso é teu rio Mearim
Babaçu te enleva em paisagem
Poesia, riqueza és enfim.Boa terra de encantos mil
Entre norte e nordeste ficaste
Dando marco de amor ao Brasil.”
Que Deus ilumine os teus caminhos e fortaleça o teu destino glorioso,minha terra adorara!

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta