Estudantes da rede municipal participam de simulado para a aplicação da Prova Brasil

Os estudantes de 5º e 9º ano da rede municipal estão participando do simulado da Prova Brasil.

Os estudantes de 5º e 9º ano da rede municipal estão participando do simulado da Prova Brasil.

O objetivo é familiarizar os educandos com a metodologia da prova e o tipo de raciocínio exigido pelo teste. A nota da Prova Brasil é um dos indicadores utilizados pelo Ministério da Educação (MEC) para calcular o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), que mede a qualidade da educação básica no país. O simulado foi elaborado pela Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Educação (Semed), e está sendo aplicado pelas unidades de ensino, com o apoio da gestão escolar e a parceria dos professores.

O secretário municipal de Educação, Geraldo Castro Sobrinho, destacou o empenho dos professores e gestores escolares para a realização do simulado. “O engajamento diário de nossos educadores demonstra o compromisso com a melhoria da qualidade da Educação, e a Prova Brasil é um instrumento essencial nesse processo. Através dela definiremos indicadores de qualidade da educação, podendo traçar metas e ações que nos permitam cumprir cada vez mais a maior determinação do prefeito Edivaldo para esta área: a garantia efetiva do direito de aprender”, disse o titular da Semed.

Seguindo a mesma metodologia da Prova Brasil, o simulado é composto de questões de Língua Portuguesa e Matemática. Em agosto deste ano, os professores da rede municipal também participaram da formação “Avaliação educacional de longa e larga escala: oficinas de elaboração de itens”, realizada pela Prefeitura de São Luís com os professores de Língua Portuguesa e Matemática com foco específico na avaliação promovida pelo governo federal.

PROVA – Na Unidade de Educação Básica (U.E.B.) Alberto Pinheiro (Centro), cerca de 200 estudantes de 5º ano responderam o simulado nesta quarta-feira (4), nos turnos matutino e vespertino. “O simulado preparatório ajuda a abrir a visão dos estudantes e a treinar para a prova final, que vai avaliar o rendimento dos estudantes e a qualidade do ensino como um todo”, explicou a professora Mirian Vieira dos Anjos, titular da turma de 5º ano da escola. Liana Tereza Campos Pinho, gestora da unidade de ensino, destacou a seriedade com que os alunos encararam o exame. “Eles levaram todo o processo muito a sério, como se fosse mesmo um primeiro vestibular. Destacamos para eles a importância da prova, a responsabilidade e o treino do gabarito, para que eles se familiarizem com o processo e respondam a Prova Brasil da melhor maneira possível”, disse a gestora.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta