Câmara de Lago da Pedra abre CPI apara apurar compras superfaturadas

Após uma série de denúncias divulgadas pelo site Maranhão de Verdade, a Câmara Municipal de Lago da Pedra autorizou a abertura de Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar os gastos da prefeitura com a saúde.

As investigações foram autorizadas pelos vereadores depois de matérias publicadas pelo site evidenciando um suposto esquema de compras superfaturadas para combate à Covid-19.

Segundo apurou a reportagem, na última sessão remota realizada na sexta-feira, dia 19 de junho, o presidente da Casa, vereador Ananias Bezerra, recebeu um requerimento assinado pelos vereadores Cícero Amaro, Gilberto dos Três Lagos, Julifran Catingueiro, Thiago Sá e Valmir Bento, solicitando a abertura do colegiado para apurar possíveis irregularidades na saúde pública do município, em relação a aquisição de equipamentos e medicamentos com recursos federais destinados ao enfrentamento ao novo coronavírus.

O chefe do legislativo recebeu e deu prosseguimento à solicitação, uma vez que para a formação da CPI era necessário a assinatura de pelo menos um terço da câmara, equivalentes a quatro assinaturas. Como o requerimento contou com a assinatura de cinco parlamentares, o presidente da Casa foi obrigado a receber o requerimento e resolveu abrir o procedimento.

Na última segunda-feira, dia 22, o chefe do legislativo resolveu nomear o vereador Thiago Alves de Sá como presidente da CPI que dará prosseguimento aos trabalhos de investigação visando apurar possíveis irregularidades na saúde lagopedrense, principalmente as verbas destinadas ao enfrentamento à pandemia do coronavírus.

“Com essa comissão esperamos dar a resposta aos vários questionamentos que a sociedade está fazendo em relação às ações da prefeitura ou falta delas para o enfrentamento ao covid-19”, destacou Ananias Bezerra em entrevista ao Portal do Lago.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta